This is (not) Sparta!!!


E seguem as siglas.

A sigla H.P.P. foi inventada por mim mesma, só para ficar estiloso.  H.P.P. significa Hipospadia, uma má formação congênita dos órgãos sexuais.  No meu entendimento, a leitura feita na ultrassonografia, aos 4 meses de gravidez, que indicou ser o bebê uma menina foi por conta dessa má formação. Quando a criança é portadora de Hipospadia, o seu órgão genital fica “preso” por baixo e então a distinção entre menino ou menina fica prejudicada.

Há vários níveis de Hipospadia: Distal, Média ou Proximal.  Quanto mais próxima do saquinho – Proximal - maior o grau de dificuldade, pois o canal da uretra é mais curto.  A Hipospadia só se resolve com cirurgia, pois se não operar, o menino vai ter que fazer xixi sentado, o que acarreta, na maioria das vezes, um impacto psicológico irreversível, não somente pelo constrangimento de não poder fazer xixi em pé, mas também por molhar a roupa toda. Portanto, quanto mais cedo operar, melhor, sendo a idade ideal entre 12 e 18 meses, pois a criança ainda não aprendeu a fazer xixi sozinha e ainda está nas fraldas.

Dependendo do grau da Hipospadia, às vezes são necessárias mais que 3 cirurgias, sem exageros. Felizmente, com os avanços tecnológicos e de procedimentos cirúrgicos, em muitos casos uma cirurgia só resolve. Graças a Deus por Davi ter nascido no século XXI, pois eu li em algum lugar que, em algum ponto da história da humanidade, a solução encontrada para os meninos portadores de Hipospadia era a faca! Sim, dileto leitor e leitora, cortavam o “mal”, literalmente. Portanto, você, que fica elocubrando a respeito de “tamanho”, vá procurar o que fazer e trate de deletar aqueles spams  do tipo “enlarge your penis”, porque poderia ter sido pior, ok?

O grau da Hipospadia do Davi está entre o Médio e Proximal, ou seja, não é lá um grau muito simpático, digamos assim. Mas, de acordo com o *Dr. Martinelli, Davi deverá ser operado no próximo ano, por volta de abril ou maio, e talvez de  uma vez só. O “primeiro tempo” da Hipospadia do Davi já foi realizado, por ocasião da cirurgia das hérnias, mas isso já é assunto a próxima sigla/post, se você ainda tive paciência para ler.


Ah, sim, a incidência de Hipospadia é de 1:300. Ou seja, para cada 300 meninos nascidos, 1 tem Hipospadia.  Davi não é de Esparta, mas é um entre os 300!


*Dr. Harold M. Martinelli é o cirurgião pediatra que operou e irá operar o Davi.  Um homem grandão, mas com mãos de pluma.