Carnaval e Craftices

Já que havia recusado todos os convites para ser rainha da bateria de todas as escolas de samba do Rio de Janeiro (oi?), aproveitei esse feriadãozão para curtir a casa e o filhote.

Feriado de carnaval é bem interessante.  Acho que só existe aqui no Brasil mesmo, porque ficar praticamente 1 semana em função da diversão ou do descanso não é muito comum por aí.  Não sei se foi por conta do meu cansaço, mas eu concluí que, apesar de muita gente considerar vergonhoso, esse período talvez sirva para renovarmos as energias, já que vamos trabalhar 5 meses do ano só para pagarmos impostos. 

E para quem trabalha fora, esse período serve também para ver a quantas andam a convivência com os filhos.  Ficar 6 dias inteiros com Davi foi muito cansativo, porque ele está nessa fase de querer total atenção, cheio de manhas, muito teimoso e dá chilique por qualquer coisa.  Ou seja, não precisei sair em nenhum bloco de carnaval porque o menino me fez rebolar na (falta) de paciência.  Olha, vou dizer:  o guri pintou e bordou! Sim, porque ficar todo esse tempo com pai e mãe o dia inteiro fez com que ele se sentisse o verdadeiro pinto no lixo. 

Apesar do baile que Davi nos deu, conseguimos aproveitar bastante esses dias. Levamos o pequeno para brincar um pouco na rua, principalmente para ver o movimento carnavalístico na Intendente Magalhães, que fica pertinho de casa e que é uma avenida onde desfilam as escolas do grupo C, D e E.  É isso mesmo! As escolas beeeeem pequenas, às vezes com 1 só carro, mas nem por isso menos interessantes. O desfile na Intendente é muito organizado, eu diria que é uma Marquês de Sapucaí em miniatura.  A diferença é que o clima é bem família, com crianças brincando na mesma pista onde as escolas passam - antes ou depois que passam, claro! É muito seguro e limpo, pois há guardas municipais, policiais e garis por todos os lados. 

Fica a dica: se você não é chegada a tumulto, como eu, e quer levar sua criança para brincar um pouquinho o carnaval, vá para a Intendente! Leve uma cadeira de praia, uma bolsa térmica com algumas bebidinhas e vá curtir com sua família os desfiles da Boca de Siri, Arame de Ricardo, Vizinha Faladeira, Arrastão de Cascadura, Favo de Acari, entre outras.  Só que os desfiles começam à noite, e como Davi é tão matinê quanto eu, ficamos pouco tempo, umas 2 horas por lá  e apesar de ser bem enjoado, ele curtiu bastante.  Quando a pista ficava só com crianças, ele saía disparado, nem sabia para qual lado correr. 

Aproveitei também para começar a fazer algumas craftices, que quando ficarem prontas irei mostrar aqui (agora eu tô mais assanhadinha com a Internet).  Comecei algumas coisas mas não deram muito certo, e o que eu consegui fazer foi pintar o microondas.  Já havia pintado o forninho e o microondas teve que esperar um pouco, porque estou tentando dar um tapa naquela cozinha sem sal.

Veja como era e como ficou (a varanda serve de ateliê e/ou oficina, ok?)



Veja que as partes de plástico já estavam amareladas


Tá tudo verde!


Lado A

Lado B

Eu não pintei a parte de trás porque fiquei com medo de a tinta entrar nas saídas de ar e danificar o funcionamento. Outra coisa que descobri foi: se a tinta pegar na parte do vidro é só passar acetona - a do esmalte mesmo - que sai.



Ah, sim, eu tentei tirar fotos do folião, mas todas as vezes que eu pedia, Davi virava o rosto ou fazia uma careta.  Não teve uma foto legal!


Portanto, voltamos à programação normal e feliz 2012, já que o ano começa mesmo é depois do carnaval, né!