O armário da pia - a saga

Pense num trânsito parado.  Não daqueles normais de hoje em dia, mas aqueles em que as pessoas desligam o motor do carro/ônibus e não conseguem enxergar uma saída.

Pense naquele dia modorrento, abafado, que não dá vontade de fazer nada a não ser ficar parada esperando o calorão passar.


Pense num dia que não rende, não termina, não vai nem vem.


Pois foi assim a saga da renovação do armário da pia, que fez 1 mês e tal dia desses.  E aí é aquela mesma coisa: a gente pensa que o negócio vai ser fácil e rápido, mas ele toma todas as nossas energias, tempo e até paciência.

A verdade é que o armário da pia já estava clamando por uma intervenção.  A madeira estava tão seca que levamos - eu e marido - 2 fins de semana só lixando - com lixa nº 50!! - as portas e gavetas.  Tive que passar umas 3 demãos de tinta, pois que ela não pegava de jeito algum, a madeira sugava tudo, tipo um Buraco Negro, sabe.


Não cheguei a lixar o interior das gavetas e sim a parte externa, as beiradas e as placas onde ficam os puxadores. Essas placas foram acopladas à caixa/gaveta e removidas para serem lixadas, só que na hora de colocá-las no lugar... foi uma boa trabalheira porque elas apenas não encaixavam!


As 3 portas também me deram um chá de cansaço, porque todas as vezes em que eu ia pintá-las vinha um vendaval tão forte que acabava machucando a pintura em algum lugar.  O lado positivo desse vento todo é que ajudava a secar a tinta mais rápido.  Uma coisa boa foi que eu pintei tudo com pistola elétrica - SIM!, agora eu tenho uma - uma excelente aquisição e que facilitou muito o trabalho.  

Após pintar o interior do armário, achei melhor dar um touch nele e aí decidi cobrir a prateleira e o "chão" com esse plástico com essa estampa bem.... hum.... leguminosa.  Infelizmente não me dei conta e acabei colando a imagem da parte de baixo para o lado de dentro do armário, mas isso é detalhe... 


Cobri também a parte interna das gavetas com o mesmo o plástico cheio de legumes.



Na hora de colocar a prateleira, o que acontece? Eu acabo arrebentando o cano sanfonado da pia e fico um domingo inteiro sem poder lavar nada.  Para não encher a pia de louças, desanuviar a cabeça e amenizar minha queimadura de 2º grau no braço (sim, até isso aconteceu), aproveitei e levei Davi ao cinema.  Esse armário já estava me dando uma gastura daquelas.



Depois da prateleira instalada, cadê que as portas se juntavam? Pois que a bonitinha aqui comprou dobradiças erradas, tipo, joguei fora as dobradiças velhas sem dó nem piedade ao invés de guardá-las para fins de comparação na hora da compra.  Depois o marido comprou as corretas e aí as portas ficaram niveladas novamente.

E depois de ficar com as panelas espalhadas pelos cantos da casa por mais de 1 mês e tal eis que, finalmente, elas voltaram para seus devidos lugares e o armário ficou assim:





Acho que o plástico leguminoso vai me ajudar muito na hora da limpeza, porque a sujeira vai sair mais fácil.

Acho também que a próxima moradora deste apartamento irá me odiar por causa dele.

Acho também que estou precisando de um jogo novo de panelas.

E, por fim: baratas, GO HOME!