# Error #


Quem nunca, nunca, nunca cometeu o erro que proclamava que nunca, nunca, nunca iria cometer, que atire a primeira chupeta! A verdade é que na prática, a teoria é outra. Porque eu nunca, nunca, nunca iria deixar o Davi dormir comigo! Imagina, eu, uma quase descendente do Dr. Spock de tanta racionalidade, com uma vasta experiência em assistir programas como "Doces Sonhos", vou me deixar envolver por um pedaço de gente durante a noite! Nunca! Jamais! Em tempo Algum!

A seguir, o passo-a-passo ilustrado de um erro de programação muito comum e quase imperceptível, mas com grande poder de destruição!

Futuro Monstrinho detected
O Sono dos Justos
No começo tudo é lindo, tudo é maravilhoso, e não percebemos que sutilmente estamos criando um monstrinho embaixo do nosso próprio nariz. Comecei fazendo Davi dormir no meu colo, depois, em cima da minha barriga, atravessado para o lado esquerdo, depois na minha cama e em seguida era levado para o berço. Durante a madrugada, acordava umas 2 ou 3 vezes, o que, até então, eu considerava normal. Solução: Um colinho rápido e a devolução ao berço (caro).  
1/2 #Error#

O Baile da Meia Noite
Oi.
Depois de um tempo, eis que, ao contrário das histórias infantis, o príncipe se transforma num sapo com uma boca enorme, logo após as doze badaladas notúrnicas. Um verdadeiro vexame, a ponto de começarmos a fechar portas e janelas, no esforço de não sermos convidados a sair do prédio, por conta da infração à Lei do Silêncio. Solução: o poder do cansaço é maior, e o sapinho é levado para dormir no grande lago, junto com os demais sapões. #Error# #Error# 

Vou Não! Quero Não! Gosto Não!
Eu sou um berço!
O berço (caro) se transforma basicamente em mais uma peça do mobiliário, pois que quase nunca é visitado pelo dono. Solução: Passa-se, então, a ser utilizada uma rotina: leva-se o futuro sapinho para dormir em cima da barriga da sapa-mãe e depois  que ele cai nos braços de Morfeu, é transportado  para o tal berço (caro). Após o baile da meia noite, o sapinho retorna para o lago, onde ficará coachando por toda a noite, juntamente com os demais sapos que, a essa altura, já não coacham tão bem há algum tempo.#Error# #Error# #Error#


A família Doriana na Matrix!
Um Aconchego Aconchegante
E quem não gosta de um aconchego? E quem não gosta de dividir o  calor, de dormir de conchinha e se enroscar por debaixo das cobertas? Se é bom para os sapos grandes, imagina para os sapinhos. E, vamos assumir: quem já não enveredou por esse caminho? Porque dormir com a cria é muito, muito gostoso. Só que, depois que se entra nessa estrada, para encontrar a saída demora e é bastante trabalhoso. #Error# #Error# #Error# #Error#

Opa! 
 E quando eu percebi que Davi não somente queria dormir comigo mas principalmente EM CIMA de mim,  ou no colo durante toda a noite, aí eu concluí que era hora de parar, pois do contrário a situação iria ficar muito, muito pior! Para tentar corrigir um erro tão gostoso, porém, é necessário ter muita paciência e abrir mão de algumas noites de sono, porque a criança vai tentar, a todo custo, e com muita gritaria, fazer com que esse processo não continue, por óbvio.

Claro que meu sapinho vai ser levado para o lago de vez em quando, mas  se essa programação não for cancelada agora, ele vai crescer e ocupar mais espaço do que lhe é devido. No momento, acredito que vou atravessar algumas noites em claro, com muita gritaria no ouvido, me coçando para não cair na tentação de levá-lo para a minha cama. É o preço que eu tenho que pagar, e eu já estou no vermelho desse cheque especial.

Mas é tão gostoso ficar de conchinha com aquele pedacinho de gente....